Aprendendo a RDC 67 na prática

Aprendendo a RDC 67 na prática

  • 32 Alunos matriculados
  • 10 Horas de duração
  • 54 Aulas
  • 11 Módulos
  • 2 anos de suporte
Parcele em 12x R$ 28,94 (ou R$ 297,00 à vista)
Comprar Agora Dê um passo adiante em sua carreira!
Farmacêutica Bioquímica, Empreendedora, Criadora do Farmácia Academy
Camila Furtado

Aqui você vai aprender cada um dos trechos, em detalhes, com uma explicação simples e recheada de exemplos práticos de aplicação desta norma que regulamenta as atividades de todas as farmácias de manipulação no Brasil. Você vai entender o que significa cada uma das exigências da RDC mestra para a farmácia de manipulação.

Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até após a matrícula.

Farmacêuticos de farmácia de manipulação, proprietários de farmácia de manipulação; ou àqueles que desejam trabalhar nessa área.

Camila Furtado
"Farmacêutica Bioquímica, Empreendedora, Criadora do Farmácia Academy"


Farmacêutica Bioquímica, pós graduada em Farmacologia Clínica e Atenção Farmacêutica, empreendedora, especialista em saúde integrativa, suplementação esportiva e pesquisa e desenvolvimento de formulações farmacêuticas, professora e trainer de farmacêuticos. Especialista em Liderança Farmacêutica e Gestão de pessoas em farmácia.
Criadora do Programa Farmacêutico Único, do 1º CONBRALIF. e CEO do Portal Farmácia Academy.


Conteúdo Programático

  • 1. 1 - Boas vindas
  • 2. 2 - Aqui você vai aprender
  • 1. 3 - Introdução
  • 2. 4 - Objetivos
  • 3. 5 - Definições
  • 4. 6 - Condições Gerais
  • 5. 7 - Franquia em Farmácias
  • 6. 8 - Prescrição de Medicamentos Manipulados
  • 7. 9 - Responsabilidade Técnica
  • 8. 10 - Inspeções
  • 9. 11 - Referências
  • 1. 12 - Anexo l - Boas Práticas de Manipulação em Farmácias
  • 2. 13 - Do farmacêutico
  • 3. 14 - Da gerência superior
  • 4. 15 - Capacitação dos Recursos Humanos
  • 5. 16 - Saúde, Higiene, Vestuário e Conduta
  • 6. 17 - Infra-estrutura física
  • 7. 18 - Materiais, Equipamentos e Utensílios
  • 8. 19 - Limpeza e Sanitização
  • 9. 20 - Matérias Primas e Materiais de Embalagem
  • 10. 21- Requisitos para qualificação de fornecedor
  • 11. 22 - Controle de qualidade de matéria prima e material de embalagem
  • 12. 23 - Armazenamento
  • 13. 24 - Água
  • 14. 25 - Manipulação
  • 15. 26 - Dos controles
  • 16. 27 - Manipulação de Estoque Mínimo
  • 17. 28 - Controle de qualidade de estoque mínimo
  • 18. 29 - Rotulagem e embalagem
  • 19. 30 - Conservação e transporte
  • 20. 31 - Dispensação
  • 21. 32 - Garantia da qualidade
  • 22. 33 - Documentação
  • 23. 34 - Atendimento a reclamações
  • 1. 35 - Anexo ll Boas Práticas de Manipulação de Substâncias de Baixo Índice Terapêutico
  • 2. 36 - Substâncias de Baixo índice Terapêutico
  • 3. 37 - Anexo Vlll - Padrão mínimo para informações ao paciente
  • 1. 38 - Anexo lll - Boas Práticas de Manipulação de Hormônios, Antibióticos, Citostáticos e Substâncias Sujeitas a Controle Especial - PARTE 1
  • 2. 39- Anexo lll - Boas Práticas de Manipulação de Hormônios, Antibióticos, Citostáticos e Substâncias Sujeitas a Controle Especial - PARTE 2
  • 1. 40 - Anexo lV - Boas Práticas de Manipulação de Produtos Estéreis em Farmácias
  • 2. 41 - Organização e Pessoal
  • 3. 42 - Infra - Estrutura Física estéreis
  • 4. 43 - Equipamentos, mobiliários e utensílios
  • 5. 44 - Materiais e Água
  • 6. 45 - Controle do Processo de Manipulação
  • 7. 46 - Controle de qualidade e Garantia da qualidade
  • 8. 47 - Requisitos adicionais para produto estéril citostático
  • 1. 48 - Anexo V - Boas Práticas de Manipulação de Preparações Homeopáticas em Farmácias - PARTE 1
  • 2. 49 - Anexo V - Boas Práticas de Manipulação de Preparações Homeopáticas em Farmácias - PARTE 2
  • 3. 50 - Anexo V - Boas Práticas de Manipulação de Preparações Homeopáticas em Farmácias - PARTE 3
  • 1. 51 - Anexo Vl
  • 1. 52 - Anexo Vll - Roteiro de Inspeção para Farmácia
  • 1. 53 - Anexo Vlll
  • 1. 54 - Sites de consulta oficial
Voltar ao topo